O que é que a sua box de televisão diz sobre si

Há muito que a “caixa mágica” tem mais cores que o preto e o branco. Se por um lado a TV ficou cada vez mais complexa, por outro tem cada vez mais ferramentas para lhe facilitar a vida. O EPG é uma delas e pode dizer mais sobre si do que alguma vez imaginou.

Pode não saber o que é EPG, mas o mais certo é que este marque presença regularmente em sua casa. Não, não estamos a falar de nenhuma força cósmica ou omnipresente, e muito menos de fantasmas! O EPG é o serviço que prepara a sua box de televisão nos “bastidores” e simplifica o acesso ao mais variado tipo de informações. Nunca problematizou como chegam os horários e as sinopses ao ecrã da sua TV? Nós explicamos.

Vamos por partes. O Electronic Programming Guide é a ferramenta que organiza o material enviado pelos canais. Mas nem só de horários se faz uma box, pelo que também cabe ao editor de EPG melhorar, tanto quanto possível, a informação disponível para todos os programas (ex. sinopses e elencos). Já o espectador pode ir direto ao que lhe interessa: na hora da verdade, comandar a sua TV é tão fácil que até uma criança consegue fazê-lo (más notícias, é mais um a “lutar” pelo comando…).

Mas, afinal, o que pode o EPG dizer sobre si?

O Usain Bolt lá de casa: Ainda a pessoa ao seu lado não acabou de falar e já o leitor está de comando na mão pronto a desvendar o próximo mistério televisivo, qual Sherlock Holmes do sofá. O que deu nos últimos sete dias, o que está a dar e o que vai dar: nada lhe escapa e, se for preciso, até dá a informação ao detalhe. Para ver, para gravar ou apenas para tirar dúvidas. Tão ágil com o comando como o Cristiano Ronaldo nas suas fintas, só o vai largar quando tiver a sensação de dever cumprido. E cair ao chão, só com falta!

O “papa” maratonas: Se, para si, maratonas é só sem sair de casa, a box de televisão pode torna-se uma das suas melhores amigas. Pode gravar todos os episódios de uma série, apenas uma temporada, ver algo que deu nos últimos sete dias… Ficar com a agenda ocupada nunca foi tão fácil, pelo que o difícil é ter tempo para ver tudo. Além disso, pode também recorrer às sinopses episódicas para saber às quantas anda e, quando acabar a maratona, pode pesquisar outras séries do mesmo género para fechar a próxima corrida.

O próximo Quentin Tarantino: Entre os 17 e os 21 anos, o realizador de filmes como «Pulp Fiction» (1994) e «Django Libertado» (2012) viu cerca de 200 filmes por ano. Conhecido pelo seu estilo irreverente, Quentin Tarantino também fez história ao defender que ir ao cinema, ou ver filmes, é uma das melhores escolas que se pode ter. Como tal, se prefere assistir à sétima arte no conforto de sua casa, a escolha é variada e não tem custos adicionais: é só fazer um filtro por filme e depois por género (ação, comédia, etc.), tendo imediatamente acesso a uma biblioteca invejável com os filmes dos últimos sete dias.

O fã número um: Uma das informações fundamentais na edição de filmes e séries é o elenco. Assim sendo, se preferir pode simplesmente pesquisar o que tem passado com o seu ator, atriz ou realizador(a) favoritos. Por outro lado, pode também conhecer a biografia dos seus ídolos, sendo que contamos, na nossa base de dados, com várias centenas de biografias originais de atores e realizadores. Fique a saber quais as principais curiosidades, destaques e vitórias de alguns dos principais rostos do cinema e da TV a nível nacional e internacional. Este serviço é ainda fornecido de forma independente fora do sistema de EPG.

O preguiçoso: Se a preguiça podia ser o seu nome do meio e quer um serviço que o ajude a dizer o que ver, não vai querer perder o que estamos a preparar para si! A aplicação de recomendações da InfoPortugal será a resposta às suas preces, pois, com base nas suas preferências, o nosso algoritmo vai ajudá-lo a encontrar o próximo filme ou série apenas à distância de um ou dois cliques.

Sara Quelhas
Produtora de Conteúdos

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *